03 • novembro • 2014

Polaroids Taylor Swift 1989

Falar de música nunca foi meu foco aqui no blog, mas eu gosto sim de apontar outros detalhes que vêm com as produções musicais dos artistas, detalhes esses que têm mais a ver com esse meu cantinho, relacionados principalmente à fotografia, design, e até mesmo à produção audiovisual dos clipes.

Daí que Taylor Swift lançou no último dia 27 de outubro o seu quinto álbum, 1989, com toda uma estética retrô, analógica e com apelo nostálgico, resultado da utilização de polaroids no encarte e em todo o material promocional. Taylor já tinha um pulo nesse quê de antiguinho desde o Red, mas dessa vez ela mergulhou de cabeça, mais uma vez trabalhando com a fotógrafa Sarah Barlow, que tem um olhar muito bom quando é essa a proposta.

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

O curioso é que os filmes (aparentemente bem variados, usando câmeras da série SX-70 e 600) foram provavelmente comprados do Impossible Project, já que a Polaroid mesmo descontinuou sua produção em 2008. As fotos também precisaram ser cortadas para o formato 1×1 (quadrado), afinal os papéis originais variam de tamanho mas se mantém numa escala aproximada de 3×4.

A própria cantora afirmou que é apaixonada pelas Polaroids e pelo registro de momento que fotografia instantânea (tem post sobre!) em geral proporciona, e que isso comunica muito com sua música, que também traduz sua rotina, as coisas que vão acontecendo no decorrer do tempo, os relacionamentos, etc. Bacana, né?

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Polaroids Taylor Swift 1989

Para ver todas as polaroids (são muitas mesmo!) é só vir aqui.

Tenho 21 anos, sou de Cataguases (Minas) e trabalho como web designer, sempre mantendo e praticando minha paixão pela fotografia nas horas vagas.
Compartilhe:



11 • abril • 2014

Taylor Swift lançou seu quarto álbum “Red” em outubro de 2012, e desde que saíram as primeiras imagens do encarte eu já fiquei encantado com o que vi, desde a locação às cores predominantes nas fotos. Lembro de ter pesquisado incessantemente na época pelo fotógrafo ou fotógrafa responsável pelo trabalho, e graças à arte do stalk… encontrei! Mas como aconteceu com uma série de outras ideias de posts, essa foi mais uma que ficou perdida nas minhas anotações e favoritos do Chrome. A chance de ela vir à tona novamente veio depois do lançamento do novo layout na terça-feira, quando eu olhei para o calendário editorial da semana recheado de posts para escrever e não me senti inteiramente inspirado para falar bem sobre nenhum dos assuntos, hehe. Blogar tem dessas, amigos.

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Mas vamos ao que interessa: as fotos foram feitas por Sarah Barlow, uma fotógrafa americana residente em Nashville que fotografa desde os 13 anos, quando ganhou sua primeira câmera. Ela conta lá no site oficial que seu objetivo na profissão é capturar mais do que apenas belas imagens, ela tenta sempre criar uma experiência e contar uma história usando suas lentes e imaginação. Hoje ela trabalha em parceria com o diretor de arte Stephen Schofield, com quem troca conhecimento e trabalha em projetos colaborativos e dinâmicos.

À propósito, esse detalhe específico do trabalho em conjunto me inspira bastante: ultimamente venho estabelecendo sonhos e prioridades na minha vida, e sinto que meu futuro é ter um espaço só meu, seja uma agência interdisciplinar, um escritório pessoal com uma equipe de ajuda, etc. A questão é que eu só consigo imaginar isso acontecendo partindo desse mesmo princípio: me juntar a alguém que tenha sonhos semelhantes aos meus e unir essas forças num projeto em comum. :)

Repetindo: sou apaixonado por essas fotos, então mesmo separando minhas favoritas não consegui reduzir o número de imagens a menos de 20, hahaha. Para conhecer mais trabalhos de Sarah, é só visitar o site ou acompanhar pela fan page no Facebook.

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Taylor Swift Red photoshoot by Sarah Barlow

Veja o restante das fotos

Tenho 21 anos, sou de Cataguases (Minas) e trabalho como web designer, sempre mantendo e praticando minha paixão pela fotografia nas horas vagas.
Compartilhe:



19 • setembro • 2012

O Instagram é um dos aplicativos mais famosos para smartphones, desde 2011 ele reina absoluto entre os amantes da fotografia e do compartilhamento de fotos. Depois da liberação para o sistema operacional Android então, a rede social cresceu mais ainda e se popularizou, o que, na minha opinião, não precisa ser uma coisa ruim como muita gente pinta por aí.

Eu devo ter um espírito stalker dos bravos lá no fundo, porque se tem uma coisa que eu gosto é de observar o cotidiano de outras pessoas; não de forma pejorativa, mas para me inspirar para o trabalho, alimentação e estilo de vida. É por isso que entre meus followings no Instagram existe uma alternância entre (1) conhecidos e amigos, (2) pessoas que postam fotos de lugares, paisagens e natureza, e (3) fotógrafos ou pessoas comuns que usam a câmera do celular para registrar o dia-a-dia, desde a hora em que acordam até deitados nas camas prestes a dormirem.

Depois de colar essa introdução do primeiro post, vou mostrar pra vocês os outros 10 perfis que prometi, prontos pra cansar o botão de follow?

@nataliecreates: A Natalie pelo visto é uma fã dos filtros mais levinhos do Instagram, o Rise e o Sierra. Talvez seja pra combinar com as fotos, sempre com o toque “country” de quem mora numa espécie de sítio como ela.

@joaoarraes: Descobri o Insta do João nesse post sobre aplicativos no Garotas Estúpidas. O cara é fotógrafo e tá sempre rodeado de modelos e lugares legais, mas isso nem é o melhor. Ele conhece muitos apps de fotografia, dos mais simples aos mais loucos. Resultado? Fotos sempre muito interessantes e diferentes do que vemos o tempo todo lá na rede social.

@fredbandeira: O que eu mais gosto nas fotos do Fred é que as fotos são quase sempre feitas ao ar livre, em lugares bem abertos e naturais. Dá pra perceber isso só pela paleta de cores da galeria dele, sempre com muito azul e verde, céu e grama respectivamente.

@cesinha: O César é um fotógrafo paulista e a galeria dele é simplesmente legal de acompanhar. Ele mistura estilos nas fotos e alterna entre cotidiano, trabalhos e arquitetura, além de ser indicado pelos quatro cantos por aí.

@iamgalla: O Adam é super conhecido no Lookbook por seus looks. Se você tem um pé no ramo da moda, principalmente a masculina, é legal seguir o jovem (só 20 anos!) que só vem se tornando mais influente como modelo a cada dia.

@lusttforlife: E pra fazer o par, a Olivia é mais conhecida ainda como modelo e fashionista, as meninas vão adorar o Insta dela!

@iamnotana: Siga a Anna se você é fã de fotos de comida e objetos tiradas daquele famoso ângulo de cima. Você não consegue ficar sem fome depois de passar por toda a galeria dela, é sério.

@dannyzappa: O Danny é claramente apaixonado por linhas e bicicletas, vejam se vocês também tiram essa mesma conclusão. Adoro as composições dele, e também os filtros escolhidos. Não sei explicar, mas as fotos passam uma sensação de silêncio, gostei muito.

@cindyloughridge: A Cindy é mãe da Emma que eu indiquei no outro post e da mesma menininha fofa que aparece nas fotos. O estilo delas é bem parecido e só de ter bebê no meio já é motivo pra seguir!

@sweetthingblog: As fotos da Jessie sempre passam uma sensação de conforto e casualidade, a maioria tem sempre tons de cinza e o branco figurando como cores principais, e o minimalismo aparece bastante se você reparar. Tudo isso junto fica muito bom!

Enfim, 20! Já seguia alguns dos 10 aí em cima? O que achou dos dois posts? Renovou os followings? ;)

Tenho 21 anos, sou de Cataguases (Minas) e trabalho como web designer, sempre mantendo e praticando minha paixão pela fotografia nas horas vagas.
Compartilhe:



25 • agosto • 2012

O Instagram é um dos aplicativos mais famosos para smartphones, desde 2011 ele reina absoluto entre os amantes da fotografia e do compartilhamento de fotos. Depois da liberação para o sistema operacional Android então, a rede social cresceu mais ainda e se popularizou, o que, na minha opinião, não precisa ser uma coisa ruim como muita gente pinta por aí.

Eu devo ter um espírito stalker dos bravos lá no fundo, porque se tem uma coisa que eu gosto é de observar o cotidiano de outras pessoas; não de forma pejorativa, mas para me inspirar para o trabalho, alimentação e estilo de vida. É por isso que entre meus followings no Instagram existe uma alternância entre (1) conhecidos e amigos, (2) pessoas que postam fotos de lugares, paisagens e natureza, e (3) fotógrafos ou pessoas comuns que usam a câmera do celular para registrar o dia-a-dia, desde a hora em que acordam até deitados nas camas prestes a dormirem.

Separei 20 perfis no Instagram que fui coletando em sites ou descobrindo sozinho mesmo, todos bem legais e que valem o follow. Hoje eu vou mostrar 10 e num próximo post, os outros 10. Vem, chega mais:

@urbanarts: A Urban Arts é uma galeria de arte digital que divulga o trabalho de artistas do mundo todo, e é claro que sempre rola uma amostra disso tudo e dos produtos que eles vendem lá no Instagram.

@massju: Lembra desse post falando sobre a fotografia de arquitetura do Matthias Heiderich? O Instagram dele é cheio de imagens do mesmo tipo e outras bem “calminhas”, que passam aquela sensação relaxante.

@emmatheyellow: A Emma é tia dessa coisa fofa e adora fotografar sua rotina junto de sua sobrinha, marido e o bichano. Mas o que eu gosto mesmo é das composições que ela faz, por isso o Insta dela marcou lugar nessa lista. (:

@so_may: As pessoas não aparecem muito nas fotos da May (não sei se é esse o nome dela de verdade), e quando aparecem é sempre de forma sutil, na base da silhueta ou de costas. Ela prefere fotografar lugares, prédios, árvores e paisagens, escolhendo muito bem os filtros que aplica (dá pra ver que ela usa mais de um app!).

@anastasia_volkova: Já mostrei as fotos da Anastacia lá na página do Facebook e não foi a toa, sou fã das fotos que ela compartilha, as de comida são sempre muito apetitosas e os lugares vêm com filtros repleto de cores, inspira de verdade!

@letsvamos: O Danilo é um fotógrafo principalmente de casamentos que compartilha muito de São Paulo e um pouco do Rio nas fotos. Na minha opinião, os melhores cliques dele no Instagram são os cheios de contraste como esse último cheio de roxo e amarelo!

@twoaftertwenty: Siga a Janice se você é fã de fotos de comida e objetos tiradas daquele famoso ângulo de cima. Você não consegue ficar sem fome depois de passar por toda a galeria dela, é sério.

@tempodemorangos: A Dariely é uma fofa, tenho ela no Flickr há um tempo e acho as fotos de uma leveza sem tamanho, mas nada que beire ao cliché, o que é mais legal ainda!

@elixir818: Só pelas miniaturas você já entende que os filtros são todos assim: acizentados, discretos, bem retrô! Acho que isso faz as fotos do Sang fugirem do “mais do mesmo” que a gente vê no Instagram, prezo muito esse estilo próprio que ele tem.

@ticianaporto: E pra entrar em contraste com o Insta do Sang, as fotos da brasileira Ticiana Porto. Se você é fã da cidade maravilhosa, vai adorar as fotos dos principais pontos turísticos cheias de cor, contraste e vinhetas. Quero descobrir os apps que ela usa!

10 indicações bem legais, né? Semana que vem eu posto o resto sem falta, me cobrem no Twitter!

Tenho 21 anos, sou de Cataguases (Minas) e trabalho como web designer, sempre mantendo e praticando minha paixão pela fotografia nas horas vagas.
Compartilhe: